15 maneiras que você pode contribuir sendo mentora de uma mulher

Mentoria é um processo de aprendizagem integral e multidisciplinar de transferência de conhecimento e experiências que são vividas no dia a dia.

Mentoria entre mulheres não é apenas sobre ensinar uma mulher, mas também aprender com ela.

É uma das mais efetivas ferramentas de desenvolvimento de talentos e pode ser realizada em todas as etapas da carreira e aprendizado. A mentoria é ainda mais crucial quando se trata de desenvolvimento de liderança e carreira feminina.

Como mulheres, devemos incentivar e cultivar um ambiente de mentoria entre mulheres, onde possamos ter a oportunidade de explorar e aprender com a trajetória de outras líderes.

Uma mentora pode estar presente na vida de outra mulher de diversas maneiras. Separamos 15 maneiras que você pode contribuir para ser uma mentora e uma genuína agente de mudança para as mulheres no ambiente de trabalho.

1) Autonomia e Autorresponsabilidade — Capacitar mulheres para que possam conquistar autonomia e encontrarem soluções para os seus principais desafios. A missão de uma mentora é inspirar mulheres para que elas se desenvolvam cada vez mais e se tornem mais quem elas já são.

2) Aceleração do aprendizadoNem sempre temos clareza do que precisamos aprender ou desenvolver para alcançarmos melhores resultados. Nessa busca, muitas vezes perdemos muito tempo entre tentativas e erros. Um dos grandes benefícios da mentoria é a aceleração do aprendizado e a sua aplicabilidade em ações práticas do dia a dia. Como mentora, você pode acelerar o processo de aprendizagem de outra mulher de acordo com as suas necessidade e desafios do momento. Ajudar a evitar as armadilhas mais comuns que retardam ou atrapalham o aprendizado e o crescimento profissional.

3) Construção de um ambiente seguro — No processo de mentoria, você constrói um ambiente seguro e sem julgamento para que as mulheres possam compartilhar pensamentos, sentimentos, anseios, desafios, planos e objetivos, entre outras experiências. Elas sentem que não estão sozinhas e que há outras mulheres enfrentando os mesmos desafios que elas.

4) Acreditar no potencial Somos primeiramente responsáveis ​​por acreditar no potencial dessa mulher, e que ela é capaz de realizar. Somos responsáveis por valorizá-la e defendê-la ao nosso redor. Devemos estar presente nos momentos de desafios, dúvidas, acreditando e dando suporte nas situações mais cruciais.

5) Lembrá-la dos seus talentos e potenciaisComo mentora você deve lembrá-la dos seus potenciais, valores e interesses, visualizar aonde ela pode chegar e também ajudá-la a identificar e fortalecer as habilidades necessárias para a ascensão.

6) Inspiração e incentivoPropor uma visão inspiradora para ela e depois desafiá-la a alcançá-la é um dos elementos mais importantes da mentoria entre mulheres.

7) Apoio psicossocial As mulheres enfrentam não só mais barreiras organizacionais externas para a promoção, mas também enfrentam barreiras internas de auto-sabotagem. Isso inclui falta de segurança, de autoconfiança, e até vergonha por quererem subir em suas carreiras. As mulheres são mais propensas a sofrerem com a  síndrome da impostora, sentem que não pertencem, não são qualificadas o suficiente e que não são merecedoras de suas conquistas. A função psicossocial de uma mentora é particularmente importante para fomentar a autoestima e oferecer um sentido de propósito.

8) Alcançar objetivosDiante das adversidades que as mulheres encontram, muitas vezes se sentem paralisadas diante das frustrações por não alcançarem o sucesso que consideram ser merecedoras. Você deve mantê-la motivada e seguindo em frente para que alcance os objetivos de carreira de maneira sustentável e satisfatória, sem passar por desafios além dos quais são necessários. Ajudá-la a construir um plano de carreira claro para assumir importantes papéis.

9) Explorar possibilidadesMentoras devem compartilhar e debater suas experiências, além de ter a missão de aprender com o processo. São mulheres que já percorreram um longo caminho em suas trajetórias profissionais e, porque já estiveram lá, podem apoiar outras mulheres em momentos importantes da carreira para que alcancem menores resultados. As mentoras não devem se limitar a dar respostas prontas, devem incentivar as mulheres a explorarem possibilidades, a questionarem situações, aprofundarem-se e a construir junto uma solução ao aprendizado e as demandas.

10) FeedbacksDar feedback claro sobre o que ela poderia conhecer do seu ponto de vista: o que ela pode melhorar, ou como ela pode ampliar suas experiências e repertório. Ajudá-la a conceber soluções e ações para problemas e desafios que aparentemente ela não consegue enxergar.

11) Construção e fortalecimento de NetworkingAs mulheres frequentemente relatam isolamento no trabalho, especialmente em profissões e organizações dominadas por homens. Como mentora você deve pensar em oportunidades para estabelecer contatos profissionais e criar redes de relacionamentos e conhecimento ativas que possam auxiliar no desenvolvimento profissional e pessoal dessas mulheres.

Conecte pessoas que podem contribuir para o crescimento dessa mulher.

12) Promova visibilidadePromova as ideias de outras mulheres no seu ambiente de trabalho, coloque-as em posições de visibilidade, dê apoio e responsabilidades para competirem por cargos e promoções em níveis de igualdade. Uma mentora proativa encoraja as mulheres a comunicarem o seu sucesso e as suas realizações.  

 13) Apoio e PreparaçãoUma mentora experiente entende as tribulações que as mulheres enfrentarão no caminho para o sucesso, e ela se importa o suficiente para ajudá-las a construir defesa de imunidade e habilidades-chave para a jornada à frente. Apoie e prepare outras mulheres sem superprotegê-las.

14) Incentive ações dentro da sua organização ou ambiente de trabalho Inclua mais mulheres nas principais decisões, invista e apoie ações para ampliação de programas de mentoria entre mulheres, seja de maneira formal ou informal, incentive outras pessoas a verem o potencial dessa mulher. Trace estratégias para combater o preconceito inconsciente no trabalho e diferenças de gênero, promova ações para defender talentos mais diversos e igualdade. Os efeitos de uma mentoria forte criam relacionamentos profundos e duradouros e têm a capacidade de transformar indivíduos, grupos, organizações e comunidades.

15) Seja mais que uma mentora, seja uma “sponsor”

Seja a voz dessa mulher quando ela não estiver na sala. Seja a sua embaixadora.

Uma grande mentora abre portas, nomeia suas mentoradas para funções importantes, recomenda o nome dela para grupos de trabalho, comitês, eventos, projetos e vagas de emprego. Compartilha capital social e intelectual, e fornecer a ela acesso a informações importantes usando sua própria posição e influência.

Ser uma excelente mentora exige autoconsciência, inteligência emocional, comprometimento e conhecimento, visão social e política e, claro, um desejo genuíno de ver uma mulher prosperar em sua carreira. Acima de tudo, mentoras devem ser apaixonadas por aprender, ensinar e contribuir.

Mentoras mudam vidas, mas as mentoradas podem mudar ainda mais a vida das suas mentoras. 

Roberta Miranda
Idealizadora Creative Women

16 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.