Você está sendo produtiva ou se sobrecarregando?

Com a situação atual, muitas de nós estamos nos renovando e tentando adaptar o trabalho, seja digital ou presencial, com as demandas da vida pessoal que cresceram nos últimos tempos, nos desdobramos em tarefas de casa, cuidados com a saúde física e emocional, trabalho, estudo e muito mais. A noção de tempo foi alterada em nossa realidade e talvez como método de fuga algumas de nós se encontra em situação de esgotamento.

Estamos vivendo tempos de excessos — de informação, de trabalho e de estresse

Além de todo o caos que estamos enfrentando, a onda da produtividade cresce e joga uma carga a mais em cima da nossa rotina, mas produtividade não tem a ver com quantidade, e sim com gerenciamento de tempo. Não é necessário fazer mil coisas ao mesmo tempo para ser produtiva, e sim planejar para que na semana, ou no dia, tudo se encaixe com leveza. A produtividade que a internet vende nem sempre é aquela que cabe para você, às vezes, respeitar sua singularidade e jornada é mais produtivo do que seguir fórmulas que não se encaixam com o seu cotidiano.

Talvez ao longo do dia, e da semana, você sinta que não fez nada de produtivo mesmo estando esgotada, vale refletir, então, o tipo de produtividade que você está projetando para a sua vida, uma rotina pode ser muito diferente para quem é autônoma e para quem trabalha em empresa. Produtividade pertence a você, você decidirá o que é produtivo ou não, respeitando seus limites.

  • Quanto tempo sobra para lazer na sua rotina?

Caso não sobre nenhum tempo para si mesma você está apenas se sobrecarregando e não sendo produtiva. O planejamento do seu dia impulsionará o resultado das suas tarefas permitindo que você chegue ao final do dia sem estar sobrecarregada. Como identificar os problemas que te condicionaram a isso?

O que pode estar faltando na sua rotina é clareza para pensar e planejar de forma efetiva as suas responsabilidades! Você pode estar em conflito do que priorizar e quais são suas verdadeiras metas, o que afeta sua performance no dia a dia. Sem direcionamento das tarefas o dia pode se tornar só um amontoado de eventos que você participou sem ao menos aproveitar. Para a gente um dos pilares importantes da performance e produtividade é que você torne suas tarefas e responsabilidades agradáveis, e que o lazer e a diversão estejam inclusas no seu cotidiano, deixando o estresse e o excesso como coisas do passado. O primeiro passo é reconhecer o que precisa ser priorizado, o que deverá ser readequado e o que não condiz mais com sua rotina.

Como priorizar as metas pensando no cotidiano de forma agradavelmente produtiva:

  • Ter clareza da importância dessa meta para você
  • Priorizar atividades
  • Respeitar seus limites e sua singularidade
  • Lembrar que produtividade tem a ver com bem-estar
  • Pensar em como o foco em metas realistas podem impulsionar sua performance

Esse processo não é automático e fácil de se seguir, não será resolvido magicamente com uma lista, se fosse assim você não estaria nessa situação. É algo que demanda tempo e autorreflexão para que você possa realmente alcançar essa performance de qualidade que é a produtividade. Isso é algo que demanda às vezes experiência que não possuímos, e é aí que precisamos buscar um segundo olhar para nós mesmas, após reconhecer as qualidades e interferências do seu cotidiano buscar referencias saudáveis e realistas que se encaixem com aquilo que você precisa. A partir disso, buscar novas formas e técnicas de realizar tarefas e de alcançar objetivos, tornando a rotina leve e proveitosa.

Com um passo de cada vez, a produtividade pode ser cultivada.

Juliana Pinheiro
Creative Women Team

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.